19
Thu, Oct

Marília Mendonça emagrece oito quilos após balão gástrico malsucedido

Entretenimento
Typography

Marília Mendonça participou de uma coletiva de imprensa na tarde desta terça-feira (14), em São Paulo, para falar sobre o lançamento do DVD Realidade, gravado em outubro de 2016 em Manaus, para um público de 40 mil pessoas. Os números de Marília, de apenas 21 anos, impressionam, pois tudo isso aconteceu pouco mais de um ano do lançamento do primeiro trabalho e estourar para o Brasil inteiro.

Questionada sobre o sucesso que tem feito – já fechou mais de 200 shows para 2017 e conta com mais de 2,3 bilhões de acessos no YouTube – a cantora explicou que não sabe explicar exatamente o motivo pelo qual caiu nas graças do público.

Leia Mais

Marília Mendonça cai em show e imobiliza o pé direito

— Acho que é uma mistura de muitas coisas e nunca vou saber definir exatamente o que é, mas a questão musical foi pelas músicas mesmo, pelo fato de as pessoas se identificarem com as letras das músicas. Sempre tive o sonho de cantar o cotidiano das pessoas. Sendo compositora, sempre escrevi letras que contavam as histórias das pessoas para que elas se identificassem. Por isso, quando quis fazer um trabalho, foi tudo muito pensado para as pessoas ouvirem não uma história inventada, mas uma história que realmente aconteceu e que tenho certeza de que não aconteceu só comigo. Na parte musical foi isso.

Porém, ela acredita que o fato de ser uma pessoa verdadeira contribuiu para se tornar um dos maiores fenômenos de 2016.

— Mas tem a questão da postura também. Acho muito legal essa coisa de a mulher se identificar comigo. Quando me vê no palco, não vê uma boneca toda montada, toda perfeita. Vê que o cabelo desmonta, que a maquiagem borra, que não está com o corpo totalmente em dia. As pessoas enxergam isso, então a gente conseguiu trazer a mulherada pra perto, que é o nosso público mais forte.

Apesar de já ter se tornado realidade, a cantora ainda não está acostumada com todo esse assédio.

— Na verdade, muita coisa ainda me assusta. E o fato de tudo isso ter se tornado real tão rápido – rápido depois de que comecei a aparecer, porque estou na luta desde os 12 anos – e ainda não consegui entender tudo o que aconteceu. Sou uma criança ainda, ainda me considero uma criança de 10. Ainda não tive tempo para entender. Isso é que me assusta. A responsabilidade que tenho às vezes. Um post no Instagram expressando a minha opinião sobre alguma coisa, que seja polêmica, acho normal falar porque estou expressando a minha opinião. Mas aí vejo comentários positivos e negativos, aí quando vou ver já está tudo nos sites. Inclusive algumas coisas que acontecem na minha vida pessoal e fico realmente assustada com isso.


Falando em vida pessoal, Marília Mendonça abriu o jogo sobre o balão gástrico malsucedido. Antes do Carnaval deste ano, ela fez o procedimento para perder peso. Porém, não se adaptou e precisou reverter a cirurgia.

— Coloquei um balão gástrico, como todo mundo sabe. Não deu certo, passei muito mal de verdade. Queria perder um pouco de peso mesmo para ter mais pique nos shows, para conseguir fazer ele inteiro. Porque meu show foi ficando muito para cima, muito animado. Era para eu ter um pouco mais de fôlego, mais de pique. Não deu certo o balão, mas continuei na dieta por causa da minha saúde. Estou cuidando bastante da alimentação. Tenho uma pessoa do meu lado para ficar cuidando disso, que é meu assessor. Até se tiver alguma balinha dentro do avião ele vai lá e tira, nem deixa eu ver. Tem dado muito certo, a galera está comentando muito no Instagram que estou emagrecendo. Já foram oito quilos e estou me sentindo melhor, mais saudável, com mais pique e estou cuidando justamente pra isso.

A cantora fez questão de explicar que está emagrecendo por motivos de saúde e não de estética, pois sempre teve uma autoestima elevada.

— Sempre me senti muito bem comigo mesma quando me olhava no espelho, sempre me senti muito bem comigo mesma, sempre me achei linda. Sempre me achei muito linda. A galera até pergunta sobre isso e eu digo: “não tem nada de ruim em querer melhorar. Posso me sentir bem, mas posso querer melhorar também”. É isso o que está acontecendo na minha vida. Sempre me senti bem, mas sempre vou querer melhorar pra mim, pros meus fãs, pra que todo mundo veja uma coisa legal, um show mais pra cima, uma Marília com mais fôlego e também pra segurar essa agenda de mais de 200 shows vendidos esse ano. Tem que cuidar, porque senão não aguenta.

No entanto, a vaidade é algo recente na vida da jovem cantora.

— No começo da carreira, quando estava tudo andando ainda, eu era mais despreocupada das coisas. Mas agora entendo que preciso me cuidar mais na questão da alimentação. Tenho me tornado mais vaidosa por influência de alguns amigos e de alguma coisa. O Edu, meu maquiador, a gente vive conversando sobre algumas coisas e amo ele. Ele tem me colocado mais vaidosa com o cabelo e essas coisas. É muito bom ter uma pessoa assim por perto, tenho me sentido melhor.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Publicidades

Cadastre seu e-mail!